Treinos aeróbicos: segredos e mistérios revelados

Treinos aeróbicos são os melhores para emagrecer de modo saudável? Como realizar este tipo de treinamento no intuito de reduzir a cintura rapidamente?

Treinos aeróbicos: segredos e mistérios revelados

Treinos aeróbicos estão entre os mais praticados nas academias, no entanto muitos desconhecem quais são seus reais objetivos e suas peculiaridades, sendo assim, neste artigo iremos revelar segredos e mistérios sobre estes treinamentos.

Treinos aeróbicos e exercícios cardiovasculares

Treinos aeróbicos cardiovasculares consistem em treinamentos voltados para o coração e pulmão, ou seja, exercícios que estimulam o transporte de oxigênio através das células musculares.

Qualquer exercício que envolva ritmo e repetição em grupo trata-se de um treino cardiovascular, o que é excelente para o emagrecimento e ao aceleramento do metabolismo no organismo.

Entre os exercícios mais praticados da aeróbica estão a caminhada, a corrida, o ciclismo e até mesmo a zumba fitness.

Com exercícios anaeróbicos o fornecimento de oxigênio aos músculos é encerrado, ou seja, enquanto houver fornecimento de oxigênio durante o exercício se trata de aeróbico, e, a partir do momento que encerra fica anaeróbico.

Há exercícios anaeróbicos de alta intensidade ou rápidos demais, como, por exemplo, a corrida de 100 metros, saltos, musculação entre outras atividades.

De acordo com métodos do American College of Sports Medicine as recomendações para melhorar os treinos cardiovasculares e aumentar o nível fitness são:

Para melhorar a saúde cardiovascular:

  • 5-7 dias semanais.
  • 54-92% frequência cardíaca máxima.
  • 30 minutos.
  • Movimentos rítmicos dos maiores grupos musculares.

Para emagrecer:

  • 3-5 dias semanais.
  • 54-93% de frequência cardíaca máxima.
  • 20-60 minutos.
  • Movimentos rítmicos dos maiores grupos musculares.

Treino aeróbico em geral tem como objetivo melhorar o condicionamento físico, assim como a musculatura, para que o resultado apareça da forma correta, ou seja, sem métodos artificiais.

É imprescindível entrar em contato com seu médico para saber até que ponto você pode se esforçar, ou, contar com o auxílio de um personal trainer.

Melhores conselhos de um personal trainer para treinos aeróbicos

Antes de qualquer treino aeróbio é preciso consultar um personal trainer, que após observar o condicionamento físico descreve quais os melhores esportes a se praticar.

Todas as pessoas que decidem praticar algum tipo de esporte necessitam de um acompanhamento de personal trainer na medida que acompanha as necessidades do aluno, observando os pontos fortes e fracos para corrigir.

Quando o treino é coletivo, o personal estará focado no geral e observará somente os erros mais graves, entretanto, no momento em que o aluno faz treino exclusivo com personal o resultado será mais produtivo do que um treino em grupo.

Contudo, quem não tem dinheiro disponível para contratar o melhor personal trainer pode seguir programas com treinos aeróbicos ministrados por especialista em educação física.

eu-quero-barriga-negativa

Treinos aeróbicos para emagrecer

Vale salientar que há vários tipos de treinos aeróbicos, sendo assim o que é bom para um aluno, ao outro não será, e, vice-versa. Para isso, o personal avalia as necessidades a indicar o treinamento necessário.

Interessante notar que treinos aeróbicos são voltados para a melhoria da saúde cardiovascular, sendo assim, mesmo aqueles que possuem algum problema no coração podem com acompanhamento do personal praticar, pois isso auxilia na recuperação.

Alimentações, treinos aeróbios e emagrecimento

Outro ponto a se considerar são as questões da alimentação, pois ela não pode ser definida no geral, afinal, cada pessoa possui a própria particularidade.

Todas as pessoas que praticam algum exercício físico precisam de nutricionista, pois antes de se passar o cardápio ideal deve ser levado em consideração o metabolismo do indivíduo, genética e hábitos.

Quanto às alimentações as regras são semelhantes aos treinamentos, ou seja, se você não pode pagar por uma consulta semanal no nutricionista também é importante seguir conselhos de programas profissionais com grande respaldo científico.

q48

Usain Bolt e treinos aeróbios exagerados!

O jamaicano Usain Bolt, conhecido mundialmente por ser o homem mais rápido do mundo, campeão olímpico, com seis medalhas de ouro, é visto como alguém que possui dom natural de correr em alta velocidade.

No entanto poucos sabem que Bolt executa um treinamento árduo, quase difícil de suportar. Já chegou a querer desistir várias vezes. Associava seus treinamentos à sentença de morte: “Difícil não é a competição, mas sim treinar”.

Bolt precisou de uma alta carga de trabalho ao longo de anos para atingir seu objetivo de ser o melhor velocista do mundo. Seu treinador, Glen Mills, lembra dos seus esforços.

Usain teve que melhorar a postura, pois segundo Miills o que ele exibia era uma “mecânica pobre”. Sua posição corporal pressionava as costas e havia intensa sobrecarga nas coxas a cada passada.

Com o decorrer do tempo, Bolt começou a ter problemas, inclusive lesionando a coxa.

Para corrigir o mau hábito, Usain foi levado a correr com uma leve inclinação frontal de 5 a 10 graus. Mas a transformação levou tempo, cerca de 2 anos.

Usain Bolt adquiriu uma posição adequada de corrida em que toca o solo de forma curta após aderir à velocidade máxima, mantendo o tamanho da passada.

Para fixar esse estilo, foram necessários disciplina e muita repetição. Hoje depois do reconhecimento Bolt afirma com convicção que tem certeza de que pode correr mais rápido a cada competição.

Contudo, você não precisa se exercitar como Bolt para conquistar o sonho de desenvolver barriguinha tanquinho. Basta seguir o programa fitness que emagrece até pessoas com vida sedentária.

Treino aeróbico Hiit!

O treino aeróbico HIIT emagrece, não necessita de tantos aparatos e deixa o seu corpo “trabalhando” mesmo após o treino. No entanto, não é tão simples. Tal treinamento está contraindicado para quem tem problemas cardíacos, e preferencialmente deve ser feito após a autorização médica.

Treinos aeróbicos Hiit para emagrecer são efetivos, mas especialistas contraindicam o exagero na prática, que deve se reservar ao máximo de 3 vezes na semana.

Do contrário, a sobrecarga pode ocasionar náuseas, tonturas, levando a desmaios, dores de cabeça, câimbras, lesão muscular e até uma insuficiência renal com o possível risco de falecimento das células musculares.

O excesso de exercício de alto impacto pode causar efeito oposto ao esperado, pois toda prática desportiva já libera grandes níveis de radicais livres. Há grandes riscos de seu corpo sofrer estresse oxidativo e acidificar células, reduzindo a imunidade.

A prática bem-feita dos treinos aeróbicos para emagrecer no estilo HIIT aumenta a performance e reduz o ácido lático, fazendo com que gradualmente o corpo ganhe os benefícios, não apenas físicos e estéticos, mas também no rendimento nas atividades cotidianas. Portanto, as vantagens são reais, mas não convém abusar!

O corpo demora horas para voltar ao normal, e durante esse período o metabolismo continua acelerado, fazendo mais calorias serem gastas até nas próximas 24 horas.

A meta é aumentar a absorção de oxigênio (vo2) mais rápido que exercícios aeróbios de baixa intensidade.

O rito hiit consiste em estabelecer um exercício com alta intensidade durante período curto, por exemplo, em dois minutos, seguido de outro com baixa intensidade e no período maior, de 3 a 4 minutos. Essa pausa permite a liberação do ácido lático e promove a recuperação do indivíduo.

Treinos aeróbicos e dicas de emagrecimento

Hoje se tornou uma busca frequente o ato de manter a forma sem grandes sacrifícios. Não há receita única, por isso é essencial ouvir um nutricionista para não cair nas armadilhas das dietas milagrosas, uma vez que cada indivíduo possui necessidade nutricional diferente.

A dieta mais falada do momento é a Low Carb (baixo carboidrato) que imita a dieta do paleolítico, na qual é permitido o consumo daquilo que havia naquela época, como carne ou frutas e nada mais, eliminando trigo e todo tipo de massa, arroz, pão e a batata doce, queridinha dos atletas.

Relatos de pessoas que seguiram a dieta Low Carb são surpreendentes: comum perder até 20 quilos em menos de doze meses.

No Low Carb o açúcar refinado é substituído pelo mascavo e o sal fica reduzido. Temperos só naturais. Nada de condimentos industrializados. Os embutidos estão terminantemente proibidos, como aliás em qualquer dieta para emagrecer.

Em seguida vem a atividade física como fator de propulsão. Ao abandonar hábitos sedentários com a prática de treinos aeróbicos, o corpo estimula o metabolismo, adquire disposição e bem-estar, trabalhando a queima de calorias e dando maior firmeza aos músculos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *