Meditar antes de correr traz benefícios para a saúde mental

Estudo revela que meditar antes de correr melhora a saúde mental e faz o dia ficar mais feliz na vida dos seres-humanos – um remédio para a depressão.

Meditar antes de correr traz benefícios para a saúde mental

Meditar antes de correr traz mais vantagens à saúde mental do que apenas praticar atividades físicas, conforme estudo interessante sobre pessoas com depressão.

A depressão é caracterizada em parte por uma incapacidade de deter pensamentos sombrios e tristes memórias do passado, que trazem inclusive problemas de ordem metafísica para a saúde.

Meditar antes de correr ajuda na cura da depressão
Meditar antes de correr ajuda na cura da depressão

O ato de meditar é um excelente remédio natural para diminuir os negativos estados alterados da mente.

Os investigadores suspeitam que esse padrão gerador dos constantes pensamentos negativos envolve duas áreas do cérebro em particular: o córtex pré-frontal, que controla atenção e foco, e, o hipocampo, fundamental para aprendizagem ou memória.

Em alguns estudos, as pessoas na depressão grave foram diagnosticadas com hipocampo menor que humanos não deprimidos. Curiosamente, meditação e exercício afetam essas mesmas partes do cérebro, embora de maneiras diferentes.

Meditar antes de correr faz bem!

Meditar antes de correr é uma ótima maneira de manter a saúde cerebral em dia, capaz de estimular pensamentos positivos e ideias geniais, conforme aponta o estudo da Translational Psychiatry, no qual cientistas recrutaram 52 pessoas (homens e mulheres), 22 diagnosticadas no estado da depressão.

Os pesquisadores descobriram que voluntários deprimidos apresentaram padrões no córtex pré-frontal associados à falta de concentração e ao foco de sinalização. Em seguida, voluntários começaram um programa rigoroso de meditação e exercícios físicos, o que incluía meditar antes de correr.

Voluntários meditaram por 20 minutos, e, sequencialmente, subiram nas esteiras ou bicicletas ergométricas no laboratório de testes em um ritmo moderado por 30 minutos (com 5 minutos de aquecimento).

Os participantes completaram estas sessões duas vezes por semana, durante dois meses. Em seguida, investigadores reanalisaram o humor e a capacidade de se concentrar.

Houve mudanças significativas! Os 22 voluntários com depressão tiveram redução de 40 por cento nos sintomas, relatando menos inclinação para memórias ruins.

Enquanto isso, os membros do grupo saudável também se sentiram mais felizes no final do que ao início deste estudo. O grupo da depressão mostrou atividade das células cerebrais em córtex pré-frontal idêntica às pessoas sem depressão.

Neste fôlego, o exercício aumentou os números de novas células cerebrais no hipocampo de cada voluntário, e, a meditação auxiliou em manter mais neurônios vivos, concluindo que meditar antes de correr traz benefícios à saúde mental.

Um Ping

  1. Pingback:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *