Por que cúrcuma faz bem para a saúde?

A seguir conheça as vantagens de incluir cúrcuma na dieta alimentar, seja para emagrecer ou ficar com bem-estar.

Por que cúrcuma faz bem para a saúde?

Cúrcuma é uma erva herbácea, da família do gengibre, que tem sido utilizada em toda a Índia e no Oriente há milhares de anos. Os registros históricos indicam que antigos polinésios levaram açafrão-da-terra quando atravessaram o Oceano Pacífico para o Havaí, onde o tempero é usado ainda hoje.

Na Índia, a cúrcuma é tempero há muito tempo chamado de “pó de santo”, amplamente utilizado no tratamento de infecções, feridas e outros problemas de saúde.

Seu poder de cura já foi encarado apenas como uma lenda. No entanto, a pesquisa moderna está agora confirmada com o que o povo da Índia e muitas partes na Ásia têm conhecido há milhares de anos – a cúrcuma é uma especiaria que você deve incluir na dieta todos os dias, até mesmo se faz regime para emagrecer.

Os cientistas indicam que cúrcuma tem vantagens antioxidantes, anticancerígenas, antivirais, antibiótica, antifúngica e de propriedades antibacterianas. Como um impulsionador do sistema imunológico, açafrão-da-terra é de 5 a 8 vezes mais forte do que a vitamina C ou E.

Estudos mostram que a curcumina beneficia as membranas celulares, pois promove limpeza e reorganização, acrescentando vivacidade à própria célula. De repente, uma célula desorganizada se organiza.

Benefícios da cúrcuma

A cúrcuma é útil para prevenção contra:

  • Cálculos biliares
  • Doença de Crohn
  • Psoríase
  • Acne
  • Artrite reumatoide
  • Catarata
  • Doença inflamatória intestinal
  • Diabetes
  • Câncer

Casos de quatro tipos de câncer mais comuns encontrados na América são muito baixos na Índia, onde cúrcuma é um alimento básico. Estes tipos de cânceres incluem: cólon, mama, próstata e pulmão, que ocorrem dez vezes menos no território indiano em comparação com os Estados Unidos.

Câncer mais comumente diagnosticado em homens nos Estados Unidos (próstata), quase nunca é encontrado em homens indianos graças aos benefícios da cúrcuma.

Estudos examinaram os efeitos medicinais da curcumina e descobriram que tal opção alimentar interrompe a propagação de células cancerosas.

Além disso, trabalha em conjunto com o corpo para destruir as células cancerosas existentes, de modo que não sejam capazes de se espalhar ao resto do corpo.

A função hepática é reforçada por causa da curcumina, pois impede que o sangue adicional consiga atingir células de cancro.

Curcumina é importante para evitar o desenvolvimento de cânceres. Em um ambiente de laboratório, a curcumina, na verdade, faz com que as células cancerosas cometam suicídio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *