Como ficar com a cintura fina e o quadril largo?

Como ficar com a cintura fina e o quadril largo?

Como ficar com a cintura fina e o quadril largo? Isto você vai conhecer ao acompanhar este artigo informativo prático para qualquer pessoa.

Como ficar com a cintura fina e o quadril largo? O sonho de muitas mulheres é garantir uma cintura fina a deixar o corpo mais modelado. Consequentemente, elas também querem manter os quadris largos para atingir o tão falado corpo violão.

Acontece que enquanto praticamos exercícios que ajudam a reduzir as medidas da cintura, automaticamente, sem esforço algum, o quadril se mantém mais largo, assim dizem os especialistas em como ficar com a cintura fina e o quadril largo.

Isto acontece não porque ele se modificou durante o processo, mas sim pela cintura que afinou, então com certeza o quadril terá uma aparência mais larga.

Vídeos com exercícios ensinam como ficar com a cintura fina e o quadril largo

A seguir veja um vídeo com exercícios de como ficar com a cintura fina, o quadril largo e durinho:

eu-quero-barriga-negativa

Viu só que legal? E tudo pode ser feito dentro de casa, sem precisar frequentar academias lotadas ou comprar equipamentos que apenas ocupam espaço. Este é o programa Dama Fitness, apresentado por Luana Fiennes.

Luana indica no Dama Fitness todos os treinos que ela mesmo pratica para manter um corpo invejoso até para mulheres adolescentes. Em pensar que Fiennes já é casada e tem dois filhos já dá para perceber que estes exercícios funcionam de verdade.

programa-Dama-Fitness-treino-tabata-completo

Fala sério? Chega de ficar com o bumbum todo molenga que nem gelatina. É tempo de enrijecer o abdômen e valorizar aquilo que toda bela mulher brasileira tem: glúteos durinhos, fortes e para cima.

Mas, afinal, como ficar com a cintura fina e o quadril largo?

O método de usar o elástico para diminuir medidas na cintura, por exemplo, também ajuda a ganhar algumas medidas no quadril. Isso porque, enquanto focamos em perder a cintura, há o encaixe correto do quadril no lugar onde deveria estar. Com ele mais simétrico ao corpo, acabamos tendo a sensação de que aumentou.

Para quem não sabe a técnica do elástico é simples e está entre as mais usadas por especialistas em como ficar com a cintura fina e o quadril largo.

No caminho de como ficar com a cintura fina e o quadril largo basta utilizar um elástico de prender o cabelo para unir os dedões do pé, e, depois se deitar, em uma superfície plana. Espere cinco minutos no máximo e depois retire o elástico. Se você sentir dores antes do tempo estipulado pare a técnica imediatamente.

Que tal um treino oriental?

Outras formas de como ficar com a cintura fina e o quadril largo envolve exercícios como yoga. Várias posições da atividade mexem com os músculos e consequentemente com a região dos quadris, no qual há exercícios que exigem a abertura do mesmo. Isso aumenta a flexibilidade do corpo.

Outra maneira no sentido de como ficar com a cintura fina e o quadril largo chega a ser ridícula de tão simples. Se você costuma ficar em pé o dia inteiro, ou, grande parte do tempo, procure realizar atividades nas quais é possível ficar sentada.

A pressão causada sobre os glúteos faz aumentar a gordura da região, causando o aumento dos quadris.

Outra forma especial sobre como ficar com a cintura fina e o quadril largo é subir escadas. Isso mexe com a parte da cintura e também do quadril, gerando a diminuição de um e o aumento do outro, atingindo os resultados desejados.

Plano de como ficar com a cintura fina e o quadril largo requer alimentação!

Apesar de especialistas em dieta e novas pesquisas informarem de outra forma, muitas pessoas continuam a consumir grande parte das calorias em duas ou três grandes refeições por dia.

Na tentativa de emagrecer esta forma de educação alimentar funciona para aumentar o jejum entre os períodos das principais alimentações, algo contraindicado em grande parte dos tipos de plano para emagrecer rápido disponíveis no mercado.

Uma refeição nutritiva ou um lanche a cada três horas mantém os níveis de açúcar estáveis no sangue, alimenta o corpo com fluxo constante de nutrientes necessários e ajuda a controlar ânsias induzidas pela fome para Junk Food, como doces e gorduras prejudiciais ao organismo.

Alimentação constante também leva a armazenamento de glicogênio mais eficaz no fígado e nos tecidos musculares, garantindo a eficácia em desenvolver musculatura por fornecer constante fonte de energia durante os exercícios.

O corpo humano é um pouco confuso: No momento em que diz precisar de nutrientes já está deficiente. Na verdade, essas dores de fome são os esforços de última hora do seu corpo para convencer de que existe a necessidade de alimentação.

Se você não tem tempo considere o seguinte: Uma refeição com peito de frango sem pele, pequena batata cozida e salada.

A necessidade de proteínas no caminho de como ficar com a cintura fina e o quadril largo

Quantas proteínas são suficientes? Para quem se exercita de modo leve a proteína não é um problema. Mas, para alguém que está ativo nos esportes e treina regularmente tem papel essencial na perda de gordura e construção muscular.

Enquanto comer qualquer coisa aumenta sua taxa metabólica, proteína evolui ainda mais. Frango, peru, carne, claras de ovos e queijo cottage são apenas algumas das opções que você tem para alimentos.

A proteína é também essencial para a construção muscular, e quanto mais músculos você carrega com maior eficiência o corpo vai queimar a gordura.

Vale destacar que músculo queima calorias mesmo em repouso. Por outro lado, a gordura permanece no corpo. Então, a última coisa que você quer é prejuízo nos tecidos musculares.

Você pode minimizar esta perda ao consumir proteína em doses relativamente precisas ao longo de cada dia, combinando com sessão de levantamento de peso regularmente, uma dica indispensável no plano para emagrecer grátis.

De olho nos carboidratos

Ao planejar as refeições você pode ser tentado (a) a ficar com algumas fontes de carboidratos. Comer uma variedade de carboidratos e até mesmo alguns açúcares simples é desejável para os atletas, de acordo com o Essentials Journal of Training.

Tenha em mente que isso não é um convite para devorar barras de chocolate. Alimentos como batatas, arroz, massas e legumes devem compor a maior parte das fontes de carboidratos.

Como regra geral, você não deve comer mais do que dois ou três gramas de carboidratos por libra de peso corporal.

Uma vez que você descobriu sua necessidade diária de carboidratos a tendência é comer quantidades iguais de carboidratos em cada refeição. Esta abordagem funciona muito bem na fase inicial de um plano de perda de peso, porque treina o corpo para esperar uma certa quantidade de nutrientes essenciais numa programação regular.

Mas, ao longo do tempo, seu corpo vai conseguir a homeostase, o que significa que irá se adaptar ao padrão e trabalhar apenas o suficiente para manter o saldo atual de massa magra para reservas de gordura.

Supondo que você não é diabético ou propenso a episódios de hipoglicemia, uma outra maneira de manter seu corpo é restringir a ingestão de carboidratos (cerca de 125 gramas por dia) durante 48 horas a cada duas ou três semanas, finalizando assim este plano para emagrecer grátis.

Enfim, estas foram as dicas que você deve considerar na trajetória de como ficar com a cintura fina e o quadril largo. Agora é preciso ter foco, e, começar o seu plano para deixar o seu corpo totalmente demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *